Os devaneios, sonhos, rotinas e alucinações de uma mulher comum que de comum não tem nada. Não será esta a melhor descrição para qualquer mulher... mas que sei eu... sou só uma tola...

14
Ago 14

És livre, voa borboleta, és livre, salta de flor em flor, o céu é o limite e os teus sonhos o horizonte.

És livre, voa borboleta… a tua pureza é insigne, o teu coração imenso, o teu sorriso contagiante. A tua grandeza e bondade são apenas comparáveis à tua etérea beleza.

És livre, voa borboleta. Dança ao som do vento que te sopra as asas sabendo que todos admiram a tua graciosidade, todos se elevam junto da tua alma que transmite luz e desperta gargalhadas nos espíritos mais inquietos.

És livre, voa borboleta… os grilhões soltaram-se, a porta abriu-se e o mundo espera a tua presença e o teu brilho. Deixas saudades, mas todos sabem que as borboletas não podem ser presas, todos sabem que as borboletas são seres celestes que têm que espalhar a sua doçura pela natureza.

Por isso voa… voa minha borboletinha que quando quisermos sorrir lembrar-nos-emos dos teus rodopios dançantes e do teu desarmante e imenso coração...

publicado por Nessie às 11:36
sinto-me: Natural da natureza...
música: Voá borboleta - Sara Tavares

Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

7 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

favorito

O amor..

blogs SAPO