Os devaneios, sonhos, rotinas e alucinações de uma mulher comum que de comum não tem nada. Não será esta a melhor descrição para qualquer mulher... mas que sei eu... sou só uma tola...

12
Mar 15

Acordei um dia e vi que a vida tinha mudado, os campos eram diferentes, as flores desabrocharam, o cheiro a mar ficou mais intenso. No meu rosto as linhas acentuavam, o tempo deixava a sua marca, mas os olhos eram mais expressivos, as palavras mais sábias e as acções mais ponderadas.

Todas as nossas decisões, grandes ou pequenas nos levam a este preciso ponto na nossa vida… o ponto em que nos conhecemos tão profundamente, em que temos plena consciência de quem somos e os passos que tomamos para cá chegar, em que nos aceitamos e aceitamos as consequências das nossas decisões.

Não interessa se o caminho é o certo ou o errado, se as decisões foram as mais acertadas…. Este é o nosso caminho, só a nós nos compete decidir. Somos mestres em procurar desculpas, em afirmar que não tivemos escolha, que a vida nos empurrou ou forçou a determinadas atitudes. O melhor mesmo é assumirmos que ninguém nos forçou, somos o que somos porque fizemos as escolhas que fizemos e aceitamos que este é o nosso caminho, por nós traçado e por nós percorrido.

Assim sendo, acordamos um dia e a estação mudou, as árvores estão em flor e os frutos não tardam. As marcas que o tempo nos deixa contam uma história, as linhas à volta dos olhos são prendas de sorrisos e gargalhadas e a calma instala-se em nós como uma doce brisa da Primavera. A estação mudou, nós mudamos e o caminho continua…

publicado por Nessie às 11:41

Março 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

7 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

favorito

O amor..

blogs SAPO